Blog

Israel – A obra de Deus na Terra Santa

20 Comentários

22/10/2013 | Por: | Postado em: Blog, Obra de Deus

ban

Israel não poderia ficar de fora, vejamos as experiências da Rafaela realizando a obra de Deus neste país tão especial, onde começou a propagação do evangelho, a terra que nosso Senhor pisou e se doou por amor de todos nós.

“Meu nome e Rafaela Ameno, e atualmente faço a obra de Deus em Israel.

Sou brasileira e em 2009 fui para Espanha conhecer melhor o meu marido. Passado um mês que eu havia chegado no pais, ele foi transferido para Israel. Então fiquei ali por mais 5 meses, e confesso que não foi nada fácil, sozinha, em outro pais, não sabia nada e nem conhecia ninguém, a única coisa que tinha era Deus e ali tive que enfrentar meus receios e vencer meus desafios.

Passados os meses meu casamento foi liberado e vim para Israel casar. Pois meu marido e de descendência judia, então me casei aqui. Casei e aqui estou quase 4 anos. Mais novos desafios, pais, cultura, casamento, comida, idioma e solidão. Casei sem nenhum familiar meu presente, e as pessoas que estavam não as conhecia. Graças a Deus tive o apoio do meu marido em diversas situações, e ele me ajudou muito.

Aprendi o idioma, mais ainda não tinha vencido a timidez de falar com as pessoas. Mais nesse momento tive que eu mesma enfrentar com Deus, vencer minhas fraquezas e ver que eu não poderia parar o desenvolvimento da obra de Deus.

Pensei em diversos momentos que eu estava a prejudicar o desenvolvimento do ministério de meu marido, pois eu não conseguia me habituar com as pessoas, aparentemente parecia tudo normal mais dentro de mim havia um conflito. Ou eu mudo e venço esse desafio ou desiste e retrocedo. Mais como retroceder, fazendo isso eu ia contra a minha fé e tudo aquilo que eu cria. Dei um basta contra todos esses pensamentos e incapacidade, e disse eu posso, eu consigo e assim todos os dias fui vivendo minha fé. E a cada dia Deus me surpreendia e eu me surpreendia comigo mesma. E assim tenho enfrentado cada novo desafio, mais isso só foi possível quando eu de verdade aprendi colocar a Deus em primeiro lugar na minha vida, e ver que eu sou capaz. E aqui estamos cada dia conquistando mais espaço nesse pais tão difícil e tomado por religião, as pessoas não creem em Jesus, vivem como se estivessem mortas.

Aqui é a terra santa, uma terra de beleza não só na aparência, mais porque aqui é a terra prometida, o lugar onde Jesus fez os milagres e andou. Mais para os israelenses isso é algo natural, sem valor.

As pessoas são frias, de difícil aproximação. Mais nos que Somos a Universal não desistimos, vamos em frente, trabalhando com obras sociais, que é uma forma que encontramos de ter mais acesso a eles, pois trabalhamos com amor, com prazer em dar e ajudar. Algo que não se vê aqui nas pessoas. A obra de Deus tem dados seus passos, hoje contamos com com 2 igrejas e um núcleo, 6 obreiros e 2 casais de pastores, temos trabalho social em casa de idosos, em hospitais, casa de mulheres maltratadas, grupo jovem e grupo de evangelização. E vamos por mais, e isso só e possível porque Deus se tornou prioridade. E quando eu reconheci que eu que tinha que mudar e possuir esse poder Que O Espírito Santo, eu descobri que só eu poderia me parar. Então minha amiga se você tem esse desejo de servir a Deus no altar, se desprenda de tudo, não tenha medo de assumir ser erros. Seja aberta para aprender e mudar. Não iniba o poder do Espírito Santo em você, só você pode te parar.

E não esqueça a terra santa é aonde você está e é o lugar a ser possuído.

Um beijo a todas.”

Rafaela Ameno

Be Sociable, Share!

Tania Rubim

facebooktwitter

Tânia Rubim, autora do livro "Escolhida para o Altar"


20 respostas para “Israel – A obra de Deus na Terra Santa”

  1. cristina meira disse:

    É isso ai Dona Tania, com Deus nós podemos tudo, continue nesta Fé Deus é contigo

  2. Amanda Juvenal disse:

    Muito bacana a experiência, só faltou a foto da D. Rafaela Ameno. Bjos

  3. amanda disse:

    poxa amei ler isso esse texto e muito bom da foça e
    amimaçao eu estava triste e guando eu lir eu mim senti bem abrigado
    meu deus por tudo que o senho mim deus eu tava engual a pessoa As
    pessoas são frias, de difícil aproximação. Mais nos que Somos a
    Universal não desistimos, vamos em frente, sem saber na maioria das
    vezes o que vai dentro de cada uma delas… Se me lembro, a senhora
    nao transmitia nenhuma insegurança, pelo contrario…. achei muito
    corajoso da vossa parte estarem num pais que como a senhora disse
    nao valorizam ”na maioria” o Senhor Jesus e tambem por aprenderem
    tao rapido uma lingua pois sei o quanto é dificil. Onde eu moro
    tenho esse exemplo e nao é nada facil moro aqui a 7 anos e so
    aprendi o frances ainda…. Que Deus vos de a força que voces
    precisam para que a obra se desenvolva, nao somente por ai mas se
    estenda cada vez mais por todos os lugares. Mas para isso
    precisamos vencermo-nos a nos mesmos como disse em tao aagente nao
    devemos dessistir de nada pq si dessistimo como e que agente vai
    comtruir tuudo que queremos salva nossa familia e eu nao dessito pq
    ele si emporta com todos nois Bj….. fique com deus

  4. Joselene Lima disse:

    Parabéns guerreira! Deus é contigo!

  5. Gisele Silva disse:

    Muito bacana! Veja como Deus é referente a Pessoas que ele quer usar, nó temos que ser vaso mole para que o Espírito Santo nos molde!

  6. Célia Antonio disse:

    Boa tarde D. Tânia

    Muito forte o testemunho, tenho visto através de cada historia que a Obra de Deus requer muita renucia e sem sentimentalismo nenhum apenas confiando em Deus.

    Na Fe!!

  7. Cristiane.Japao disse:

    Este fim de semana passado viajamos em familia para a cidade de Fuji …e la tem uma Universal fazendo seu trabalho em resgate as almas,…no domingo pela manha fomos abencoados em estar na casa de Deus mesmo quando nos mesmos estamos longe de casa ,…e sai de la pensando na esposa e no pastor que se dispoe a servir ,sem saber pra onde vai,e o que vai enfrentar ,e isso porque escolheu amar a Deus e as almas,…muito forte,..nao e ‘ pra qualquer um nao,…eu amo a Deus amo a Universal,e sou fortalecida com cada caso real que leio aqui,…exemplos a serem seguidos…obrigada

  8. Luana disse:

    Oi dona Tania, é tão bom aprendermos com as experiências dessas esposas, vemos que realmente não é nada fácil, é guerra para libertar as pessoas das garras do diabo, mas não há trabalho mais gratificante do que este, levar as pessoas a conhecerem o verdadeiro Deus! Tudo vale a pena para servir ao nosso Deus e salvarmos!!

  9. Catia Sousa disse:

    Ola D. Rafaela,

    Eu estive na visita a Israel no ano passado, sou de luxemburgo… pois é, passamos pelas pessoas sem saber na maioria das vezes o que vai dentro de cada uma delas… Se me lembro, a senhora nao transmitia nenhuma insegurança, pelo contrario…. achei muito corajoso da vossa parte estarem num pais que como a senhora disse nao valorizam ”na maioria” o Senhor Jesus e tambem por aprenderem tao rapido uma lingua pois sei o quanto é dificil. Onde eu moro tenho esse exemplo e nao é nada facil moro aqui a 7 anos e so aprendi o frances ainda…. Que Deus vos de a força que voces precisam para que a obra se desenvolva, nao somente por ai mas se estenda cada vez mais por todos os lugares. Mas para isso precisamos vencermo-nos a nos mesmos como disse tambem…. Gostei do que falou, pois marcou-me: se existe alguem que me pode parar, sou eu mesma! Bj

  10. alzira novaes disse:

    Shalom Rafaela ,
    você pode informar seu endereço eletrônico por favor ? gostaria muito de lhe contactar – AMO ISRAEL , sou intercessora por Israel há mais de 10 anos…. grata no amor e fé de YHWH.
    Fraterno abraço e ricas bênçãos em suas vidas.

  11. Marina disse:

    Oi. d. Rafaela, a senhora não especificou as lutas que passou antes do seu casamento, mas quem conviveu um pouco mais perto sabe de todas as coisas que passou e o quanto teve que ser forte, sozinha. E em tudo Deus lhe sustentou e por isso Deus tem lhe usado para sustentar a outros também, para ensinar e ser exemplo. Eu aprendi muito com a senhora. Muito forte a a afirmação de que só quem pode nos parar somos nós mesmas ao darmos ouvidos as mentiras de incapacidade.

    Beijinhos e obrigada por compartilhar sua história a serviço de Deus.

  12. Erica disse:

    Olá Dona,
    Cada historia é diferente uma da outra, e vejo em todas uma mensagem clara: Pôr a Deus em primeiro lugar, e confiar nEle, mas confiar mesmo.
    Também interessei-me com os testemunhos de esposas de aqui, de Argentina, que passaram por lutas, como doenças, divórcios, etc, etc. Mas todas venceram porque priorizaram a Deus e confiaram 100% nEle. Não tem uma que não tenha vencido. É uma probabilidade de 100% de vencer com Deus!!

    Com as historias que a senhora coloca aqui, e com os testemunhos que venho ouvindo de diferentes esposas, vejo cada vez mais que essa Obra é muito espiritual, que não adianta fazê-la porque a gente pensa que já sabe fazer o trabalho, mas que só da certo quando somos espirituais e temos um relacionamento íntimo com Deus.

    O sábado, na Festa dos Tabernáculos, deu testemunho a Dona Erika Navega. Acho que seria bom colocar o testemunho dela aqui, abriu a mente, a visão de muitas pessoas quando ela falou. É um testemunho muito impactante!!

    Um forte abraço!
    Erica.

  13. Ale Amaral disse:

    Arrebentou, muito forte!

  14. É verdade, a timidez vem pelo pensamento de que seremos rejeitados pelas demais pessoas, mas quando temos o Espírito Santo, isso tem que mudar, pois Ele precisa brilhar através de nós.

    Na fé.

  15. Michelle Silva disse:

    Bom dia! muito forte!! fiquei pensando 2 igrejas, 1 núcleo 6 Obreiros e 2 casais de pastores. E nós
    aqui no Brasil as vezes deixamos a desejar. Tantas vidas sofrendo. Deus os abençoe Poderosamente!

Deixe uma resposta